www.sebraeap.blogspot.com.br - Divulgação das ações do Sebrae Amapá e seus parceiros.

sexta-feira, 31 de maio de 2019

Sebrae premia 4 profissionais de educação que fomentam o empreendedorismo no Amapá


  














Os vencedores da etapa estadual da 1ª edição do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora são os selecionados para a etapa regional e ganham um notebook
Jamille Rosa

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Amapá (Sebrae), realiza a Cerimônia de Premiação do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora (PSEE). A premiação acontece nas etapas estadual, regional e nacional, e reconhece as melhores práticas empreendedoras no Brasil.

Segundo o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae (CDE) e da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Amapá (Faeap), Iraçu Colares, o Programa Sebrae de Educação Empreendedora, surgiu em 2014 e incentiva práticas empreendedoras, para que os jovens, estimulados pelos professores, busquem um estilo de vida com o apoio da iniciativa privada.

Para o vice-governador do Estado do Amapá, Jaime Nunes, o Sebrae desde 2014 implementa conteúdos de empreendedorismo no meio educacional e agora reconhece essa prática empreendedora, que é fundamental, visto que o Amapá precisa deste estímulo, e por isso, o governo e o setor privado são parceiros no tão sonhado desenvolvimento.

De acordo com o diretor superintendente do Sebrae no Amapá, Waldeir Ribeiro, o Amapá possui 32 mil alunos matriculados no ensino superior, e a cada ano, aproximadamente 8 mil acadêmicos deixam as universidades em busca de oportunidades e de trabalho no estado. Por conta disso, o Sebrae, como principal veículo de fomento ao empreendedorismo, destaca a importância do educador em sala de aula, por apresentar de forma objetiva os conteúdos técnicos aos estudantes.

“Todo dia o Sebrae enfrenta o desafio de muitos que querem empreender, não possuem conhecimento algum sobre empreendedorismo, e por isso, reforço a importância do incentivo desde os primeiros passos dos alunos, para que assim, os estudantes possam ser protagonistas do próprio negócio”, disse o diretor superintendente do Sebrae no Amapá, Waldeir Ribeiro.

PNEE

A instituição Sebrae lançou o Programa Nacional de Educação Empreendedora em 2013 e nesses 5 anos de implementação já capacitou 4 milhões de potenciais empreendedores, mais de 165 mil professores e soma 9 mil instituições parceiras atendidas em todo país. Somente no ano passado, foram capacitados mais de 900 empreendedores e 45 mil professores.

No Amapá o programa atua nos municípios de Macapá, Amapá, Ferreira Gomes, Tartarugalzinho, Porto Grande, Santana e Itaubal, e atende mais de 2.600 professores e mais de 30 mil alunos amapaenses.

Resultado

Na Categoria Ensino Fundamental, a vencedora foi a docente, Valda Nascimento de Oliveira de Barros, da Escola Estadual Santa Maria, com o case intitulado Caminhada Sustentável e Empreendedora.  
Na Categoria Ensino Médio, a vencedora foi a docente, Lídia Dely Alves de Sousa Meia, do Instituto Federal do Amapá (IFAP), com o case intitulado Projeto IFISH.
Na Categoria Ensino Profissional, o vencedor foi o docente, Yuri Delamare da Costa Bezerra, do Instituto Federal do Amapá (IFAP) – Campus Santana, com o case intitulado Projeto Aula na Empresa.
Na Categoria Ensino Superior, a vencedora foi a diretora, Kelly Dantas de Vasconcelos, do Centro Educacional de Ensino de Macapá, com o case intitulado Amazon Shoes – Sapatos Sustentáveis.

Apoio

O PSEE é uma iniciativa do Sebrae e conta com o apoio técnico da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) para realização do prêmio.

O evento ocorreu na Sede do Sebrae em Macapá, na quinta (31), às 19h. A solenidade contou com as presenças do presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae no Amapá (CDE) e da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Amapá (Faeap), Iraçu Colares; diretor superintendente do Sebrae no Amapá, Waldeir Ribeiro; diretora técnica do Sebrae no Amapá, Marciane Santo; diretor de administração e finanças do Sebrae no Amapá, Marcell Harb; vice-governador do Estado do Amapá, Jaime Nunes; secretária Municipal de Educação de Macapá, Sandra Casimiro; conselheira suplente do CDE/Sebrae/AP e representante do Governo do Estado do Amapá (GEA), Elen Pinheiro; conselheiro suplente do CDE/Sebrae/AP e representante da Federação do Comércio do Estado do Amapá (Fecomércio); conselheiro titular do CDE/Sebrae/AP e representante da Federação das Entidades de Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Amapá (Femicro), Raimundo Simão Batista; ex superintendente do Sebrae no Amapá, João Alvarenga; presidente do Conselho Estadual de Educação (CEE), Madalena Mendonça; representante da Comissão de Empreendedorismo da Assembleia Legislativa do Amapá (Alap), Rui Marisa; secretária Municipal de Tartarugalzinho, Francinúbia Lima; diretor do IFAP Santana, Eder Picanço; coordenador de ações empreendedoras do IFAP, Alexandre Rufino; presidente das empresas juniores do Amapá, José Romão Costa; Comitê Gestor de Educação Empreendedora da Secretaria de Estado da Educação (SEED) e a gerente da Unidade de Educação Empreendedora do Sebrae no Amapá (UEE/Sebrae/AP), Denise Nunes.


Serviço:
Unidade de Marketing e Comunicação: (96) 3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Portal Sebrae: 
www.ap.sebrae.com.br
Blog: 
www.sebraeap.blogspot.com.br
Twitter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap

Share:

quinta-feira, 30 de maio de 2019

Sebrae e Unifap são parceiros no III Congresso Comertec Jr


  


Com o Tema Comunicação, Convergência e Novos Mercados, congresso reúne acadêmicos e potenciais empreendedores para workshops, seminários e minicursos sobre tecnologia

Jamille Rosa

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Amapá (Sebrae), é parceiro da Universidade Federal do Amapá, no III Congresso Comertec Jr. O evento acontece na Sede do Sebrae em Macapá, no período de 6 a 8 de junho, das 8h às 22h. O objetivo é fomentar a área da comunicação e a divulgação científica, bem como, produzir conteúdo de relevância tecnológica. O ingresso são 2kg de alimentos não perecíveis ou de ração para cachorro e/ou gato.

De acordo com a diretora técnica do Sebrae no Amapá, Marciane Santo, a instituição apoia eventos que tem como premissa o fomento dos negócios digitais. E nesse ano, com um painel exclusivo para o empreendedorismo digital, o maior congresso de comunicação do Amapá, conta com o Projeto Startup em Macapá, e com mentores e facilitadores do Sebrae.

Startcom

Em 2019, o III Comertec Jr apresenta o Startcom, evento que tem o objetivo de despertar e fomentar o empreendedorismo na área de Comunicação Social, dessa forma amplia o mercado de comunicação no Estado do Amapá, por meio da criação de um negócio digital. A metodologia Sebrae Experience é a adotada para o evento, e tem como foco desenvolver competências empreendedoras nos participantes.

Sebrae

O Sebrae no Amapá, traz para o Startcom, os analistas técnicos Alex Lima, do Sebrae Acre e Rangel Miranda, do Sebrae Rondônia, para serem mentores e facilitadores na programação.

Ingresso

Para participar do III Comertec Jr, os interessados devem realizar cadastro pelo link Congresso Comertec Jr . Os alimentos doados serão entregues à Casa da Acolhida Marcello Cândia, em Santana e para o Orfanato Ciã Katuá. A ração doada será dividida entre as ONG’s Gateiros Tucujús e Anjos Protetores.


Programação Congresso Comertec Jr

Data: 6 de junho – Quinta-Feira
Palestra de abertura – Criação Artística em Tempos de Convergência
Tutor: Márcio Motokane - Direção e criação de formatos audiovisuais para programas do Canal Futura e Rede Globo
Hora: 18h
Local: Sede do Sebrae em Macapá - Salão de Eventos Macapá


Mesa Redonda Discente - Pesquise como uma garota: expectativa e realidade da produção científica no Brasil
Mediadoras: acadêmica do curso de Engenharia Florestal da Universidade do Estado do Amapá (UEAP), Aira Beatriz; acadêmica do curso de Engenharia Elétrica da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), Evelyn Auzier; acadêmica de Jornalismo da Faculdade Estácio de Macapá, Vanessa Albino
Hora: 20h30
Local: Sede do Sebrae em Macapá - Salão de Eventos Macapá


Data: 7 de junho – Sexta-Feira 

Grupos de Trabalhos Acadêmicos
Hora: das 14h às 18h
Local: Sede do Sebrae em Macapá – Centro de Educação Empreendedora do Sebrae


Data: 8 de junho – Sábado

Minicursos - Marketing na Era 4.0; Assessoria de Imprensa em Rádio; Fotografia Digital e Roteiro em Quadrinhos
Hora: das 8h às 12h
Local: Sede do Sebrae em Macapá – Centro de Educação Empreendedora do Sebrae


Grupos de Trabalhos Acadêmicos
Hora: das 14h às 18h
Local: Sede do Sebrae em Macapá – Centro de Educação Empreendedora do Sebrae


Programação Congresso Comertec Jr - Startcom

Data: 7 de junho – Sexta-Feira
Abertura oficial e explicação das regras e dinâmicas
Hora: 8h
Local: Sede do Sebrae em Macapá - Salão de Eventos Macapá

Votação de ideias e formação de equipes
Hora: 9h

Palestra de Canvas
Hora: 10h30

Início das mentorias e montagem do modelo de negócios
Hora: das 11h às 12h30

Validação experimento board
Hora: 13h30

Validar ideias em campo, trabalhos em grupos (Desenvolvimento do Produto) e validação de mercado, “Na rua entrevistando e levantando dados para seu projeto”
Hora: das 14h20 às 17h30

Palestra de Pitch
Hora: 18h

Parte do grupo continua validação com a pesquisa - Parte do grupo monta (Mocape) para apresentação final - Responsável pela apresentação do produto final treina Pitch
Hora: 18h45

Pré Pitch dos grupos
Hora: das 20h às 22h



Data: 8 de junho – Sábado

Mentorias finais e ajustes nas apresentações
Hora: das 8h às 9h30

Entrega dos produtos digitalizados para apresentação
Hora: 9h45

Início dos Pitchs para Mesa de Jurados
Hora: das 10h às 12h.



Serviço:
Unidade de Marketing e Comunicação: (96) 3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Portal Sebrae: www.ap.sebrae.com.br
Blog: www.sebraeap.blogspot.com.br
Twitter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap




Share:

quarta-feira, 29 de maio de 2019

Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora acontece nesta quinta (30)







A solenidade reconhece ações empreendedoras em instituições de ensino público e particular e reúne professores, secretários municipais e estaduais de educação, reitores, diretores e coordenadores de ensino fundamental, médio, profissional e superior
Jamille Rosa

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Amapá, realiza a cerimônia de Premiação do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora (PSEE). O evento acontece na sede da instituição, nesta quinta (30), às 19h. A premiação reconhece ações desenvolvidas por profissionais da educação, que estimulam o empreendedorismo nos alunos.

De acordo com a diretora técnica do Sebrae no Amapá, Marciane Santo, o evento reconhece as Instituições de Ensino que implementaram ações empreendedoras em sala de aula. “Essa é a primeira edição da premiação do Sebrae no âmbito local, regional e nacional, e considerando o Programa Nacional de Educação Empreendedora (PNEE), executado desde 2014, o ambiente de estímulo ao empreendedorismo está se desenvolvendo, por isso, merece todo nosso reconhecimento”, disse a diretora técnica do Sebrae no Amapá, Marciane Santo.

Prêmio
  

A primeira edição do PSEE é uma iniciativa do Sebrae, que estimula e reconhece as melhores práticas da educação empreendedora no Brasil. Para participar, os profissionais da educação relatam em forma de texto, a experiência empreendedora da instituição. A premiação é organizada em quatro (4) categorias, entre elas, ensino fundamental, médio, profissional e superior; é destinada a professores, secretários municipais e estaduais de educação, reitores, diretores e coordenadores em todos os níveis de ensino.

O Amapá obteve 38 relatos inscritos, de 25 instituições de ensino, no período de março a abril de 2019, com alcance nos municípios de Macapá, Amapá, Tartarugalzinho, Porto Grande, Mazagão e Santana.

Durante a cerimônia do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora será homenageada a Instituição de Ensino que alcançou o maior número de inscrito.


Etapas

O prêmio acontece nas etapas Estadual, Regional e Nacional. Na estadual, 4 casos são selecionados, um em cada categoria, tendo o total de 108 em todo o Brasil e com certificado e/ou troféu de reconhecimento. Os primeiros colocados de cada categoria serão premiados com um notebook.

Na etapa regional, são selecionados 60 casos, 15 em cada categoria de ensino. Na premiação é entregue certificado de reconhecimento, e os representantes dos casos são convidados para a cerimônia de reconhecimento, em Brasília/DF; já na etapa nacional, os 60 casos são automaticamente classificados, destes, 20 casos para avaliação. Nesta fase, os vencedores recebem a oportunidade de apresentar a prática educacional em evento de visibilidade, e participam da Missão Técnica Nacional.


Serviço:
Unidade de Marketing e Comunicação: (96) 3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Portal Sebrae: 
www.ap.sebrae.com.br
Blog: 
www.sebraeap.blogspot.com.br
Twitter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap

Share:

terça-feira, 28 de maio de 2019

Semana do MEI comemora sucesso com 7.520 mil atendimentos
























Durante cinco (5) dias, o Sebrae registra sucesso de público em atendimentos, palestras e oficinas aos microempreendedores individuais

Andréa Maciel

Com o Tema ‘Conhecimento para você, sucesso para o seu negócio’, a 11ª Semana do MEI contabiliza resultados positivos. No total, foram 7.520 atendimentos gratuitos, somando atendimentos individuais, oficinas e palestras, na sede em Macapá, e nos escritórios regionais de Santana, Porto Grande, Laranjal do Jari e Oiapoque. O evento acontece, simultaneamente, em todas as unidades do Sebrae no Brasil, no período de 20 a 24 de maio, das 8h às 18h.

Municípios

Em Macapá, os resultados do evento contabilizam 4.126 atendimentos individuais, 145 participantes em oficinas e 933 participantes em palestras. Em Santana, são 306 atendimentos individuais, 125 participantes em oficinas e 400 participantes em palestras.

O escritório regional de Laranjal do Jari alcança 490 atendimentos individuais, 109 participantes em oficinas e 95 participantes em palestras. Porto Grande registra 228 atendimentos individuais, 72 participantes em oficinas e 113 em palestras. Já o município de Oiapoque obtém 254 atendimentos individuais, 62 participantes em oficinas e 62 em palestras.

“O objetivo da Semana é disponibilizar conhecimento, informação e educação financeira aos participantes, por meio de programação voltada à atender as necessidades do empresário que está começando, ou aquele que está a algum tempo no mercado, mas precisa de ajuda para manter a empresa. Esses números só foram possíveis devido ao envolvimento dos parceiros e aos empresários que acreditaram no projeto”, afirma o diretor superintendente do Sebrae no Amapá, Waldeir Ribeiro.

A diretora técnica do Sebrae no Amapá, Marciane Santo, ressalta a descentralização do evento que aconteceu em Macapá e nos escritórios regionais do Sebrae.

“A proposta do Sebrae é facilitar a vida do empreendedor. O destaque neste evento é a descentralização nos serviços. Sabemos que há uma escassez grande de serviços nos municípios, por isso levamos para os demais escritórios regionais, as mesmas atividades que acontecem na sede. Assim, oportunizamos que o empresário não precise se deslocar para a capital, para participar da Semana do MEI”, justifica a diretora técnica do Sebrae no Amapá, Marciane Santo.

Para o diretor de administração e finanças do Sebrae no Amapá, Marcel Harb, o resultado positivo do evento é fruto do empenho de toda a equipe do Sebrae e dos parceiros de instituições públicas e privadas que disponibilizaram serviços ao MEI durante uma semana.

Parceiros

Estão entre os 30 parceiros do Sebrae na Semana do MEI - Associação do Microempreendedor Individual e Microempresário do Estado do Amapá (Amei), Junta Comercial do Amapá (Jucap), Corpo de Bombeiros Militar do Amapá (CBM/AP), Conselho Regional de Contabilidade do Amapá (CRC/AP), Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), Secretaria da Receita Estadual do Amapá (SRE/AP), Receita Federal do Brasil (RFB), Empresa Brasileira de Correio e Telégrafos (Correios), Secretaria Municipal de Finanças de Macapá (Semfi), Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação de Macapá (Semduh), Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Macapá (Semam), Coordenação de Vigilância Sanitária (CVS), Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas do Estado do Amapá (Sescap), Secretaria Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), Banco do Brasil S.A, Caixa Econômica Federal (Caixa), Banco da Amazônia, Agência de Fomento do Amapá (Afap), Federação das Entidades de Empreendedores Individuais, Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Comércio e Serviços do Estado do Amapá (Femicro), Sistema de Cooperativas do Brasil (Sicoob), Instituto de Defesa do Consumidor do Amapá (Procon/AP), Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal (Naf), Agência de Desenvolvimento Econômico do Amapá, Instituto Macapaense de Melhor Ensino Superior (IMMES), Faculdade Estácio do Amapá (Famap), Faculdade de Macapá (Fama), Faculdade Apoena, Centro de Ensino Superior do Amapá (Ceap) e Uniasselvi.

Serviço:
Unidade de Marketing e Comunicação: (96) 3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Portal Sebrae: www.ap.sebrae.com.br
Twitter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap
Share:

Fomentar as atividades turísticas no Amapá é o foco em Workshop no Sebrae



O Workshop do turismo reúne gestores públicos estaduais, municipais, entidades do setor e trade turístico, para a construção participativa de um plano de ação, que garante condições sustentáveis nas atividades turísticas no estado

Jamille Rosa


O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Amapá (Sebrae) e a Federação de Turismo do Estado do Amapá (Fetur), realizam Workshop de Planejamento Estratégico para o Setor de Turismo. O evento acontece na sede da instituição em Macapá, no dia 3 de junho, das 14h às 21h e no dia 4 de junho, das 8h às 12h. A iniciativa tem o objetivo de construir em conjunto com os agentes envolvidos na cadeia do turismo, uma carta propositiva, para nortear o desenvolvimento do setor, no estado do Amapá.

De acordo com o diretor superintendente do Sebrae, Waldeir Ribeiro, o evento é importante porque identifica reinvindicações da esfera do turismo amapaense, e constrói de forma participativa o planejamento estratégico para o setor, elegendo as prioridades para os próximos 5 anos e finaliza com uma carta propositiva, a ser apresentada as bancadas federal, estadual e municipal.

Carta

Na ocasião, a federação de turismo, sindicatos, associações, secretarias de turismo estadual e municipais, companhias aéreas, gestores dos pontos turísticos no estado, trade turístico, organizações e instituições afins, ligadas direta ou indiretamente a atividade turística, elaboram uma carta de proposição, de forma conjunta, com as 10 prioridades da categoria.

O diretor superintendente do Sebrae, Waldeir Ribeiro, fala da importância deste setor para a economia local e nacional. “Vamos trabalhar para estabelecer um entendimento comum em torno das questões que envolvem o setor e que possa transformar em ações capazes de destravar seu potencial”, disse o diretor superintendente do Sebrae, Waldeir Ribeiro.

Nacional

Segundo o Ministério do Turismo (MTur), esta é a prática do setor terciário que mais cresce no Brasil. O mercado interno desta ação é bastante competitivo, e tem se destacado, atraindo empreendedores e provando a potencialidade deste negócio.

Convidado

A programação, conta a participação do ex Ministro do Turismo, ex presidente do Sebrae Nacional e especialista em empreendedorismo, gestão empresarial e pequenos negócios, Luiz Barreto.

Inscrição

As inscrições para o Workshop de Planejamento Estratégico para o Setor de Turismo, são gratuitas, e podem ser realizadas antecipadamente, pelo telefone (96) 3312-2835, ou pelo e-mail – arauna@ap.sebrae.com.br, e tratar com a analista da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae no Amapá (UPP/Sebrae), Araúna Almeida.

Parceiro

Para o Workshop de Planejamento Estratégico no Setor de Turismo, o Sebrae no Amapá conta com a parceria do Goveno do estado do Amapá (GEA), Federação de Turismo do Estado do Amapá (Fetur) e das prefeituras municipais.


Programação


Data: 3 de junho de 2019 – Segunda-Feira
Local: Sede do Sebrae em Macapá

Hora:14h – Credenciamento
Hora: 14h30 – Abertura – Pronunciamento das instituições
Hora: 15h – Palestra Turismo Empreendedor
Hora: 16h – Início dos trabalhos (moderação)
Hora: 18h – Intervalo
Hora: 18h20 – Retorno aos trabalhos
Hora: 21h – Conclusão dos trabalhos do primeiro dia


Data: 4 de junho de 2019 – Terça-Feira

Hora: 8h15 – Retorno aos trabalhos
Hora: 10h – Intervalo
Hora: 10h20 – Apresentação de resultados dos grupos
Hora: 11h30 – Conclusão dos trabalhos com as 10 prioridades de investimentos para o Setor.


Fonte: Turismo no Brasil



Serviço:
Unidade de Marketing e Comunicação: (96) 3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Portal Sebrae: www.ap.sebrae.com.br
Blog: www.sebraeap.blogspot.com.br
Twitter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap
Share:

sexta-feira, 24 de maio de 2019

Ex-superintendente do Sebrae no Amapá palestra sobre cenário econômico amapaense na 11ª Semana do MEI




A palestra apresenta a realidade no estado e as perspectivas econômicas voltadas para os pequenos negócios

Andréa Maciel

A Palestra Cenário Econômico para os Pequenos Negócios do Amapá, faz parte da programação da 11ª Semana do MEI e é ministrada pelo administrador e ex-diretor superintendente do Sebrae no Amapá, João Carlos Alvarenga. O objetivo é mostrar aos empreendedores que há oportunidades no estado, mas que precisam se capacitar, e instigar o poder público a investir localmente.

O encontro aborda as especificidades dos setores de comércio, serviços, indústria, agronegócio, financeiro e serviços públicos. O palestrante explica que o Setor de Comércio se destaca por possuir 47,91% do número total de empresas do Amapá, porém a maior potencialidade está no Setor de Agronegócio.

“O Agronegócio é uma oportunidade real para o estado se desenvolver, mas para isso é preciso investir tecnologia e informação para aumentar a produção interna e suprir a necessidade de consumo. Produzindo mais e com qualidade, o poder público pode comprar mais dos negócios locais, aquecendo a economia para que o estado prospere”, afirma o ex-diretor superintendente do Sebrae no Amapá, João Carlos Alvarenga.

Ele defende ainda, que os pequenos negócios são os grandes responsáveis por gerar dinheiro internamente, criar empregos e pela inclusão social. Assim, investir em um cenário favorável para esses empresários é investir no futuro do Amapá.

Ao final da palestra, o público faz perguntas ao palestrante e esclarece dúvidas pertinentes ao assunto abordado.

A 11ª Semana do MEI acontece no período de 20 a 24 de maio, das 8h às 18h, na sede do Sebrae em Macapá. O evento ocorre, simultaneamente, nos escritórios regionais de Santana, Oiapoque, Porto Grande e Laranjal do Jari.

Serviço:
Unidade de Marketing e Comunicação: (96) 3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Portal Sebrae: www.ap.sebrae.com.br
Blog: www.sebraeap.blogspot.com.br
Twitter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap
Share:

Sucesso empresarial é objetivo de empreendedores durante a 11ª Semana do MEI









Empreendedores buscam no Sebrae, capacitações, orientações e informações de como alcançar o sucesso do empreendimento

Andréa Maciel

Durante a 11ª Semana do MEI, os microempreendedores individuais participam da programação com o objetivo de crescer e desenvolver o negócio. O evento encerra nesta sexta-feira (24), às 18h, na sede do Sebrae em Macapá, no Salão de eventos Macapá.

Informações, capacitações, retirada de alvarás e educação financeira são alguns dos serviços disponíveis nos cinco (5) dias de evento. O empreendedor, Clodoaldo Costa Santos, afirma que busca conhecimento para fazer o empreendimento evoluir.

“Estou aqui no Sebrae para buscar conhecimento. Quero aprender e crescer, pois no momento sou micro, mas pretendo chegar a ser um grande empresário de sucesso. Por isso, quero aprender a lidar com meu dinheiro, saber como posso participar de licitações e como estar em dia com a Receita Federal”, conta o empreendedor, Clodoaldo Costa Santos.

A contadora de histórias, Angela de Carvalho, é MEI desde 2017 e todos os anos participa da Semana do MEI.

“Desde 2017, venho ao Sebrae participar deste evento e aproveitar para atualizar as pendências que possam existir, como por exemplo, regularizar alvará, emitir certidões e fazer a declaração do imposto de renda. O evento é muito bom, pois evita que a gente tenha que ir em vários órgãos e resolva tudo em apenas um local. Estou aproveitando ao máximo essa oportunidade de desenvolver minha empresa”, diz a contadora de histórias, Angela de Carvalho.

De acordo com o caminhoneiro, José Luiz, o Sebrae entrou em sua vida por acaso, mas o apoio da instituição o ajudou a se tornar um empreendedor.

“Vir até o Sebrae foi o primeiro passo para abrir minha empresa de limpeza. Os consultores ajudaram a me formalizar, participar de capacitações e ser um empresário consciente. A Semana do MEI é um momento muito importante para se informar e verificar a situação da empresa, e assim saber qual o próximo passo para prosperar ainda mais os negócios”, conclui o caminhoneiro, José Luiz.

Serviço:
Unidade de Marketing e Comunicação: (96) 3312-2832
Central de Relacionamento: 0800 570 0800
Portal Sebrae: www.ap.sebrae.com.br
Blog: www.sebraeap.blogspot.com.br
Twitter: @sebraeap
Facebook: /sebraeap
Share: